segunda-feira, 25 de junho de 2018

PADRE PAULO CESAR E PASTOR ANDERSON OS LÍDERES RELIGIOSOS MAIS RESPEITADOS DE BORRAZÓPOLIS

Padre Paulo Cesar e Pastor Anderson são os Líderes Religiosos Mais Respeitados e Admirados de Borrazópolis, Enquete Canal 500 Notícias.


 E oque faz desses dois homens tamanho Respeito e Admiração Conquistados, veja abaixo qualidades que destacam o caráter e vida ilibada nos Lideres da Igreja Católica, como também da Igreja Evangélica Quadrangular. 

Honestidade – O líder deve ser um Religiosos íntegro, digno, honrado e acima de tudo, honesto.  Precisa ser alguém confiável, com quem os liderados se identifiquem, possam se relacionar positivamente e sentir-se seguros para exercer suas funções sem ser enganados ou “passados para trás”.
Justiça – Uma liderança justa é aquela onde o líder não faz diferenciações negativas entre seus liderados, tratando todos de modo igual e justo. Na prática, representa dar aos liderados as mesmas oportunidades de crescimento, reconhecer seu trabalho e não deixar que ninguém se sinta diminuído em seu ambiente de trabalho.
Respeito – Este princípio reforça ainda mais os conceitos anteriores, pois além de honestidade e justiça é fundamental que o líder tenha como base de seu trabalho respeito aos seus colaboradores. Isto inclui o respeito às diferenças: religiosas, educacionais, sexuais e raciais, por exemplo, e construir um espaço de integração onde todos sejam respeitados como merecem.
Bons Exemplos – A melhor forma de desenvolver os liderados; ensiná-los como fazer bem o seu trabalho e ter uma postura profissional, é por meio da liderança pelo exemplo. O líder é a referência maior de uma equipe, se ele traz exemplos positivos, logo seu grupo se sente inspirado a fazer o mesmo e segui-lo espontaneamente. Do contrário, a discrepância entre sua fala e atitudes causa sérios problemas em sua gestão. Dê bons exemplos!
Reconhecimento – Todo profissional precisa ser reconhecido, amado e ter o direito de errar. Estes são seus direitos básicos e, no ambiente de trabalho, não é diferente.  Por isso, um bom líder sabe reconhecer o empenho de seus profissionais, dar feedbacks e recompensá-los por isso de forma justa e adequada.
Humanidade – Não grite, seja grosseiro ou trate seus funcionários como robôs ou meras peças em sua estratégia por resultados. Lembre-se que empresas são resultados de pessoas. Por isso leve este princípio para a sua liderança e aprenda a reconhecer e entender as dificuldades individuais dos seus profissionais e auxiliá-los a resolvê-las. Este cuidado faz toda diferença, cria empatia entre líder e liderados; como também aumenta a motivação, o engajamento e a produtividade dos profissionais, que assim, se sentem mais valorizados.
Evolução contínua – O líder que se guia por este princípio, se dedica com afinco ao seu autodesenvolvimento, bem como as metas e objetivos da empresa e em fazer sua equipe crescer, prosperar e sair do ponto A para o ponto B, como muito mais estratégia, organização, planejamento e assertividade. Isso traz, a cada demanda nova, novo projeto, maior motivação, chances reais de crescimento e evolução contínua a todos.
Obs: Outro Grande Líder muito Lembrado foi o Nome do Padre Sebastião, no entanto não seria ético de nossa Parte apontar dois Lideres da Mesma Instituição Religiosas.
Participe de Nossas Enquetes Dúvidas Sugestões ou Reclamações Nosso WhatsApp +5543 99607-0145


Canal 500 Notícias Borrazópolis Vale do Ivaí Paraná - Blog do Canal 500 Notícias

0 comentários: