sábado, 1 de julho de 2017

GOVERNADOR BETO RICHA ENTREGA VIATURA PARA POLICIA MILITAR DE BORRAZÓPOLIS

BORRAZÓPOLIS RECEBE NOVA VIATURA PARA A POLICIA MILITAR 


Municípios do Norte e do Norte Pioneiro do Paraná receberam mais 96 novas viaturas para as polícias Militar e Civil. São 76 veículos para a região de Londrina e mais 20 para a região de Cornélio Procópio. Os veículos foram repassados pelo governador Beto Richa, que esteve nos dois municípios, nesta sexta-feira (30). 

As unidades fazem parte dos 1.100 veículos comprados pelo Governo do Estado, dos quais 466 foram entregues por Richa na última terça-feira. Eles irão para municípios de todas as regiões. 

O governador lembrou que, desde 2011, o governo ampliou a frota da segurança em mais 3.000 novas viaturas, contratou 11 mil policiais e adquiriu armas modernas, como as mil pistolas Glock 9 mm; armas de longo alcance (carabinas, fuzis e submetralhadoras) e comprou novos coletes de proteção individual para os policiais. Richa lembrou que, quando assumiu o governo, todas as pesquisas indicavam que a maior preocupação dos paranaenses era em relação aos altos índices de criminalidade e violência no Estado e os baixos investimentos nessa área. 

“Começamos equipando melhor as nossas forças policiais, contratando mais policiais. Tanto que nesses seis anos e meio fizemos a maior contratação da história”, disse o governador. Ele destacou que, só em dezembro do ano passado, foram contratados 3.000 policiais. “Não tem Estado no Brasil, que nesse gravíssimo momento de crise financeira, contratou perto do que o Paraná.” 

AÇÕES - Das 76 viaturas para o Norte do Estado, 69 são para a Polícia Militar e sete para a Polícia Civil. O município de Londrina recebeu oito veículos para a PM. Neste ano, Londrina já recebeu, também, 13 viaturas locadas. 

O prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, enfatizou que nenhum outro estado faz investimentos como o Paraná. Ele disse que Londrina recebe novas viaturas, armamentos e equipamentos para a Polícia Militar e que, paralelamente, a prefeitura também procura auxiliar as polícias. “Temos ações como melhorias na iluminação e corte de mato, não deixamos ponto de ônibus em um terreno baldio”, explicou. 

INVESTIMENTO - Para o Norte Pioneiro foram repassados 14 veículos para a PM e seis para a Polícia Civil. Cornélio Procópio recebe três viaturas. 

“O fato positivo é que todos os municípios que compõem o 18º Batalhão da PM serão beneficiados com a vinda dessas viaturas”, disse o prefeito de Cornélio Procópio, Amin Hannouche. “É um trabalho bastante intenso do Governo do Estado, um investimento muito significativo. 

Ao entregar os veículos para os municípios do Norte Pioneiro, o governador Beto Richa também anunciou recursos de R$ 10 milhões para Cornélio Procópio investir em melhoria urbana. São R$ 5 milhões a fundo perdido e o restante financiado pelo Governo do Estado. 

VISIBILIDADE - A aquisição de novas viaturas, afirmou o secretário de Estado da Segurança Pública, Wagner Mesquita, resulta em diminuição de custos de manutenção da frota e dá mais visibilidade e presença para a Polícia Militar, mais capacidade de investigação para a Polícia Civil e para a Polícia Científica. “Estamos até diminuindo a necessidade de movimentação de viaturas dentro do Estado. Na última Operação Verão, por exemplo, não houve a necessidade de tirar viaturas dos municípios. A compra de novos veículos é mais uma medida para garantir que a viatura permaneça no município para o qual foi destinado”. 

No caso da PM, explicou o comandante-geral da corporação, coronel Maurício Tortato, as viaturas potencializam as ações de patrulhamento preventivo e ostensivo nas regiões. “Somos o braço mais visível da segurança pública, devido ao uso de farda e de veículos característicos, com sinalizadores e sirenes. Por isso, a presença, efetiva, de viaturas e policiais diminui a criminalidade e, principalmente, aumenta a sensação de segurança dos cidadãos”, afirmou. 

PRESENÇAS - Participaram das solenidades o secretário de Estado da Cultura, João Luiz Fiani; o deputado federal Luiz Carlos Hauly e os deputados estaduais Cobra Repórter, Alexandre Curi, Tiago do Amaral, Pedro Lupion e Luiz Claudio Romaneli. 

Nenhum comentário: